"Todos os devaneios que me vão na cabeça, que me foram da cabeça e que me hão-de vir até à cabeça. Todas as mentiras e verdades que me foram impostas, todas as torturas que eu vi. Todos os momentos; um principio de vida, o meu desnascer."
Sexta-feira, 22 de Junho de 2007
TRANSFORMAÇÕES HORRIPILANTES
 
 As coisas não têm nexo quando o extremismo chega a um ponto que não tem lógica. Seria abusador da parte de alguém achar que será preciso fazer o pino para ver quando tudo se encaixa?
Os “transformers” estão na moda, ele é filmes, ele é brinquedos, etc.
Não há muito tempo deparei com uma página repleta de gajas com um apêndice à frente. Minha mente começou a baralhar-se, ao ponto de ficar chocado com o que estava a ver. Aos quarenta e dois, achei eu, já ter visto tudo. Mentira, ainda há quem provoque a minha ira. Não o facto de “eles” terem mamas, mas logo me subiu à cabecita todo o tipo de transformações. Rapidamente comecei a enumera-los e a classificá-los. Os primeiros que me lembrei foram os lobisomens. Esses não saem todas as noites, só nas de lua cheia. São seres animalescos, que nas iluminadas noites se deliciam com a carne humana, e não só, que encontram por esse mundo fora.
Depois chegaram os vampiros. Com muita mais classe (aparente pelo menos), não se transformam, apenas saem à noite pois não o podem fazer de dia, correndo o risco de se evaporarem em fumo, o que não deve ser uma sensação equiparável, digamos, a um orgasmo por exemplo. Talvez tenha mais parecenças com agonia pura e dado este facto, sempre fugiram da luz, para consumirem humanos normais, sempre usando a sua perspicácia para enganar as suas presas.
Ora bem, chegou a altura de fazer toda a analogia inerente ao próprio título deste artigo e portanto explorar situações cómicas que daí possam advir.
Começamos pelos travestis. Esses não saem só à noite, é vê-los no Carnaval por toda a parte, são seres animalescos, na medida em que possuem características femininas, roupa e maquilhagem, mas ao mesmo tempo traços vincados (principalmente na área pélvica e por aí abaixo) da sua masculinidade. Sendo um exemplo a falta de aplicação de creme depilatório nas perninhas.
Já os (as?) Drag Queens, só saem de noite, e são reconhecíveis pelas suas parecenças (não vou dizer com mulheres) com o José Castelo Branco. Vestem-se com exuberantes vestidos, plumas, coroas e toda uma parafernália feminina, normalmente só vista em cabarets. Mas os (as?) Drag Queens são em certa medida muito parecidos(as?) com os vampiros.
Porquê? Porque também seguem o caminho do engano e da mentira para os seus propósitos.

Ora vejamos uma conversa entre um pessoa perfeitamente normal e uma aberração dessas:
Pessoa normal: "És Gay?"
Drag Queen: "Sou uma Drag Queen!"
P.N.: "Bolas... isso é ser Gay!"
D.G.: "Cada coisa no seu sítio... eu não sou homossexual, é apenas uma brincadeira, é
giro. Nada mais, eu tenho filhos e tudo!"
P.N.: "És um roto... e ainda por cima comes a tua mulher que é toda boa só para disfarçar, roubando a um heterossexual esse prazer!"
D.G.: "Epá.. não admito que me fales nesses termos! Dá cá um beijinho e vamos fazer
as pazes."
Neste momento o vampiro (Drag Queen) mandava a sua mordidela (beijoquinha) e
pronto... mais uma vítima.
Com tudo isto podemos então ter em conta que por muito que a humanidade mude,
sempre haverão transformistas prontos para sacar carninha fresca.


publicado por faustofigueiredo às 00:18
link do post | comentar | favorito

o que voçês queriam saber sobre mim
procure aqui
 
Junho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


posts recentes

MEU NOVO BRINQUEDO DO BRA...

XAU

O NOVO BRINQUEDO DO FAUST...

FAUSTO DEIXOU DE SER MILI...

Composição do João

NÃO SOU CANDIDATO A LIDER...

O festival da canção e aq...

O futuro foi feito no ant...

Algo sobre as passitas de...

Fumex

Gilberto Vicente - um esg...

CESARIANA = GAY - Teorias

Resposta estupidas para p...

Informático-dependente

Uma gaivota de Abril, uma...

Velharias

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

tags

todas as tags

links
blogs SAPO
subscrever feeds