"Todos os devaneios que me vão na cabeça, que me foram da cabeça e que me hão-de vir até à cabeça. Todas as mentiras e verdades que me foram impostas, todas as torturas que eu vi. Todos os momentos; um principio de vida, o meu desnascer."
Segunda-feira, 30 de Julho de 2007
PERGUNTAS SIMPLES PARA RESPOSTAS SIMPLEX
 Depois de uma relaxada e demorada ausência, achei por bem voltar á vida artística, que é a escrita bloguística. Na verdade o vicio ainda se mantém por cá e o único motivo que me impedia de continuar a escrever, meus amigos, era porque simplesmente não me apetecia. É verdade, não me apetecia, não me apetecia mesmo! É que para além de estar ocupado a estruturar um livro, que com uma pequena dose de sorte, será comprado por um número total de três pessoas (inclui família), tenho vindo a esforçar-me para me tornar um pouco mais sociável, funcionar, ou tentar funcionar, assim como as pessoas, percebem?
Ultimamente tudo tem corrido bem. As pessoas até já sabem o meu nome, mas também não posso esperar que aconteça tudo de uma vez. Graças a Deus, sou por natureza um tipo assim meio louco, meio gente... bem... tendo em conta que já estou farto de escrever estas porcarias e lamechas, sigo então para o que chamo de perguntas simples à espera de respostas simplex! Ou seja, duvidas adolescentes de um adulto tipo criança fazendo perguntas da treta.
 
Perguntas:
 
 - Alguma vez chegou a ser dada uma justificação oficial, cabal e satisfatória para o fim da bebida fantástica que era o pirolito?
 
 - Se 50% dos portugueses são gordos, 43% sofrem de hipertensão arterial e 7% apresentam disfunção eréctil, o que anda o meu médico a esconder-me?
 
 - Aquelas pessoas que dizem que o casamento é só um papel têm medo de se casar ou de se divorciar?
 
 - Se não devemos limpar os ouvidos com cotonetes, então para que serve aquilo?
 
 - Os homossexuais também têm prisão de ventre?
 
 - Os carrinhos de supermercado têm as todos as rodas estragados ou só aqueles que me calham a mim?
 
 - Se, por um motivo qualquer, eu tiver um dia que escolher entre dar um tiro na cabeça ou passar uma tarde com a Júlia Pinheiro, que tipo de balas devo usar?
 
 - Notam alguma diferença quando põem os auriculares left e right nos ouvidos errados?
 
 - Em Plutão o frio também é psicológico?
 
 - É normal eu dizer tantos palavrões sempre que tenho que passar pelo processo traumático que consiste em fechar o guarda-chuva, abrir a porta do carro, atirar o guarda-chuva para o banco de trás e entrar lá para dentro encharcado dos pés à cabeça?
 
 - E um jardim sem flores é como o quê?
 
 - Aquelas pessoas que insistem em corrigir-me cada vez que digo yoga em vez de yôga, devo mandá-las à merdinha ou à mêrdinha?
 
 - Mais ou menos a partir de que dia é que podemos parar de desejar um Bom Ano ou pedir os reis?
 
 - Depois dos galheteiros nos restaurantes, não podiam proibir também as expressões "Só tu para me fazeres rir agora" e "se não existisses tinhas que ser inventado"?
 
 - É possível ficar impávido sem estar sereno?
 
 - Nos acidentes espaciais nunca há feridos com gravidade?
 
 - Depois de "Olha, há ali um lugar!" vem sempre "Ah, não... É garagem..."?
 
 - Se eu estiver numa caixa de um hipermercado só com um cliente à frente, quanto tempo demorará até que a funcionária pegue no telefone para saber o preço de um artigo?
 
 - Fechar os vidros do carro quando estou parado num semáforo cheio de romenos a pedinchar, será xenofobia?
 
 - Haverá alegria maior do que encontrar dinheiro em roupa que não usávamos há três ou quatro meses?
 
 - Não sentem que falta qualquer coisa quando apanham um elevador que não tem espelho ao fundo?
 
 - A partir de que idade é que "uma bomba em cima e matá-los a todos" passa a ser a solução para todos os males do mundo?
 
 - Já algum vendedor da ABRAÇO se terá deixado enganar pela comum encenação pateta e deprimente do "gostava imenso... mas não tenho dinheiro nenhum aqui"?
 
 - O facto de eu já não me importar que me tragam Pepsi em vez de Coca-Cola é sinal que estou mais maduro ou que estou a ficar velho?
 
 - Aquelas revistas que estão nas salas de espera dos consultórios alguma vez estiveram actualizadas ou já foram lá postas seis meses após a sua publicação?
 
 - Os ambidestros conseguem escrever dois textos ao mesmo tempo?
 
 - Será que algum dia eu serei capaz de falar ao telemóvel sem estar sempre a andar de um lado para o outro e a gesticular?
 
 - Da próxima vez que eu estiver a falar com uma pessoa que tem estrabismo, como é que eu faço para não estar sempre a olhar para o olho errado?
 
 - Já alguma vez se dirigiram "ao Multibanco mais próximo"?
 
 - Afinal para que passei eu dias preciosos da minha infância a decorar que o quadrado da hipotenusa é igual à soma dos quadrados dos catetos?
 
 - Porque é que ao fim destes anos todos, e com tantos títulos ganhos, as pessoas ainda ficam admiradas por um Coimbrinha como eu ser adepto ferrenho do Porto?
 
 - Em que momento da minha vida eu terei falhado para ouvir constantemente falar em tributações, mercados de capitais, swaps, offshores, mais-valias, spreads, outsourcings ou private bankings, e não fazer a mais pequena ideia do que as pessoas estão a dizer?
 
 - Fui eu que sonhei ou a SIC voltou a dar, pela ducentésima vigésima vez, e um a seguir ao outro, os filmes "Academia de Policia" e "Do cabaré para o convento"?
 
 - Quando me dizem "és mesmo Gémeos", estão a acusar-me exactamente do quê?
 
 - Visto agora, o filme "Os deuses devem estar loucos" já não tem assim tanta piada, pois não?
 
 - Ainda temos camada de ozono que chegue para este Verão?
 
 - Também se diz "ninfomaníaco" ou o masculino de "ninfomaníaca" é "tarado"?
 
 - A Quercus só tem um funcionário ou aquele senhor gordo, de óculos e meio careca é o único que gosta de aparecer na TV?
 
 - Qual é a razão teológica para que a Preguiça seja considerada um dos Sete Pecados Capitais?
 
 - Ao terminar cada jogo que seja uma final, temos sempre que gramar com o já enfastiado "We are the Champions"?
 
 - A Ágata sempre chegou a ficar sem as jóias, o carro e a casa?
 
 - Se amamos uma pessoa mas estamos secretamente apaixonados por outra, qual delas estamos a enganar?
 
 - Não deveria ser eu a decidir se a anedota, a imagem ou a apresentação PowerPoint que fazem chegar ao meu e-mail é "genial!", "a melhor de sempre!", "esta é fantástica!", "lindo! (com som)", "imperdível!" ou "um espectáculo!"?
 
 - Se eu não tivesse dedos mindinhos nos pés continuaria a bater nas esquinas dos móveis e das cadeiras?
 
 - Num estabelecimento sem casas de banho para crianças, qual das disponíveis - Homem e Senhora - deve ser utilizada por um pai com uma filha aflita para fazer chichi?
 
 - A idade mental de um adulto é inversamente proporcional à quantidade de vezes que ele chapinha com os pés, à beira-mar, para molhar uma pessoa, e se diverte com a brincadeira?
 
- Um homossexual conservador faz questão de ir virgem para o casamento?
 
 - Se as lésbicas gostam de mulheres porque é que desejam sempre as que se parecem mais com homens?
 
 - Quando gastamos o subsídio de férias todo numa semana é sinal que aproveitámos bem os dias ou que devemos mudar de emprego?
 
 - Em caso de ameaça de bomba no Jardim Zoológico, para onde são evacuados os animais?
 
 - Como é que se coxeia quando ambas as pernas doem?
 
 - “Bissexto” é um ano que dá para os dois lados?
 
 - De acordo com um cardiologista, por cada cigarro que se fuma perde-se onze minutos de vida. Não será obvio os fumadores passarem a fumar mais depressa?
 
 - Porque é que a generalidade das mulheres acha que tem um rabo demasiado grande, mas quando se aborrece com outras mulheres, estas têm sempre o defeito de terem um rabo escanzelado?
 
 - Em alturas que o coentro pode ser macho?
 
 - E que história é essa que o Kiwis machos precisam de duas fêmeas?
 
Depois destas perguntas, torna-se realmente necessário reflectirmos…

sinto-me: ya jo, já era

publicado por faustofigueiredo às 13:09
link do post | comentar | favorito

2 comentários:
De Henriqueta a 5 de Junho de 2008 às 14:58
Não tenho muito a escrever a não ser que gostei muito da forma como apresentou todos este temas... em tom crítico e engraçado!

Gémeos? porquê gémeos? Nada de mais mas a característica como analisa as coisas e vê o mundo à sua volta, com uma curiosidade crítica é uma característica muito forte de gémeos.....

Será que tem algo de mal? esse tom de "o acusarem exactamente de quê".... Achei uma abordagem deveras engraçada ...

Não o conhecia e numa busca na net sobre "pirolitos", ginginhas " e perna-de-pau " os nossos ex-libris fora de moda..... apareceu-me o seu blog na minha busca....

Boa sorte para a sua escrita e gostei muito de o ler.


De faustofigueiredo a 5 de Junho de 2008 às 16:23
OBRIGADO

Continue a achar piada em:

http://eufausto.blogspot.com/


Comentar post

o que voçês queriam saber sobre mim
procure aqui
 
Junho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


posts recentes

MEU NOVO BRINQUEDO DO BRA...

XAU

O NOVO BRINQUEDO DO FAUST...

FAUSTO DEIXOU DE SER MILI...

Composição do João

NÃO SOU CANDIDATO A LIDER...

O festival da canção e aq...

O futuro foi feito no ant...

Algo sobre as passitas de...

Fumex

Gilberto Vicente - um esg...

CESARIANA = GAY - Teorias

Resposta estupidas para p...

Informático-dependente

Uma gaivota de Abril, uma...

Velharias

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

tags

todas as tags

links
blogs SAPO
subscrever feeds