"Todos os devaneios que me vão na cabeça, que me foram da cabeça e que me hão-de vir até à cabeça. Todas as mentiras e verdades que me foram impostas, todas as torturas que eu vi. Todos os momentos; um principio de vida, o meu desnascer."
Segunda-feira, 3 de Março de 2008
Mercado de acções e gatos, uma coisa em comum

Vou elucidar-vos de como funciona o mercado de acções 

Certa vez, numa Vila de Trás-os-montes que dá pelo nome de Carrazedo de Montenegro, apareceu um gajo a anunciar aos marcianos habitantes, que compraria gatos por 10 euros cada.

Os chico espertos cá do planeta, sabendo que havia muitos gatos por aqui no burgo, foram à Silva e a Argemil e iniciaram a caça à gataria.

O tipo da ideia, comprou centenas de gatos a 10 euros cada e então os habitantes locais, começaram a diminuír seu esforço na caça à gataria.

Vai de então, o gajo, subiu ao “miguetório” que está situado no centro da vila e anunciou que a partir daquele momento, pagaria 20 euros por cada gato e então foi ver os maluquinhos todos a duplicarem os seus esforços e arrancaram novamente à caça dos gatos.

Logo logo, os gatos foram escasseando cada vez mais e os marcianos foram desistindo da busca ao bicho que arranha.

Então a oferta aumentou para 25 euros e a quantidade de gatos ficou tão pequena que já não havia mais interesse na caça pois já dava muito trabalho.

O homem desesperado, anunciou então, que agora ia comprar cada gato a 50 euros!

Entretanto, como tinha de ir à cidade grande, mais conhecida por Valpaços, dar a benção ao não menos conhecido Tavares, Tátá para os amigos, deixou o seu assistente para cuidar da compra da bicharada.

Na ausência do tipo, o seu assistente disse aos marcianos: "Olhem só todos estes gatos, aqui na jaula, que o burro do homem vos comprou. Eu não gosto dele, como tal posso vender por 35 euros cada e vocês, quando o gajo retornar lá dos cabeçudos, vocês podem vender-lhe por 50 euros cada um, assim ganhamos todos dinehiro e que se lixa é ele."

Os habitantes de Carrazedo, mais conhecidos com “guichos”, pegaram em todas as suas economias que havia nos bancos e pés de meia que havia debaixo do colchão e vão de comprar todos os gatos ao assistente do tipo.

Era ver o Miguel, o Luis, o Paulo, o Duarte, o Filipe, o  Araújo e o bebedão do banco das agricolas a darem em doidos. Para que se conste, acho que até abriram créditos especiais para este efeito, o efeito recompra da gataria para poder  revender.

Foi a ultima vez que os marcianos viram o homem ou seu assistente. Apenas e tão somente, gatos por tudo quanto é lado.

Foi por causa desta história e não do Foral de D.Diniz que Carrazedo ficou conhecido. Ainda hoje a população não fala sobre este acontecimento tal é a vergonha.

Espero que agora tenham entendido como funciona o mercado de acções.

 


sinto-me: camponio

publicado por faustofigueiredo às 16:36
link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De 02 a 12 de Março de 2008 às 20:09
E a partir daí o rapaz nunca mais comeu laranjas não foi Gil?

Abraço


Comentar post

o que voçês queriam saber sobre mim
procure aqui
 
Junho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


posts recentes

MEU NOVO BRINQUEDO DO BRA...

XAU

O NOVO BRINQUEDO DO FAUST...

FAUSTO DEIXOU DE SER MILI...

Composição do João

NÃO SOU CANDIDATO A LIDER...

O festival da canção e aq...

O futuro foi feito no ant...

Algo sobre as passitas de...

Fumex

Gilberto Vicente - um esg...

CESARIANA = GAY - Teorias

Resposta estupidas para p...

Informático-dependente

Uma gaivota de Abril, uma...

Velharias

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

tags

todas as tags

links
blogs SAPO
subscrever feeds